sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

A GRITA DAS ESCOLAS DE SAMBA!

O Rio de Janeiro poderia importar uma parte do muro da lamentações para o sambódromo, porque o chororô está ressoando em Saturno. lamentavelmente vivemos uma inversão de valores em nossa apodrecida sociedade, seria muito pedir para esta gente clamar por mais educação, saúde e segurança? Se as Escolas de Samba estão reclamando cm falta de dinheiro vendendo fantasias a preços exorbitantes imagina o que os diretores e professores não dizem da Escola Pública, professores mal remunerados, estruturas caindo aos pedaços, material escolar que não ensina nada, metodologia ultrapassada, curriculum tosco, sem contar a falta de capacitação dos gestores e educadores. A saúde está na UTI respirando sem aparelhos porque não tem, estão quebrados. Os hospitais pedem socorro por todo país! Os últimos anos foi um desastre. A segurança não existe, uma ausência completa do estado, e nos últimos governos tivemos a exaltação da bandidagem, não é atoa que temos um ex-presidente atrás das grades por crime de corrupção, lavagem de dinheiro e ocutação de patrimônio, ou pelo menos a tentativa. Temos um Dom Corleone (Lula) de fazer inveja a máfia italiana. Quem está seguro? Carnaval só serve para continuidade da política do pão e circo que a esquerda fez questão de aprimora-la. Primeiro a Escola Pública e se sobrar a gente pensa em Escola de Samba. Esse país precisa ser reconhecido não pelos sambistas, mestres-salas e portas-bandeiras, Precisamos ser reconhecidos por ter a MELHOR ESCOLA PÚBLICA DO MUNDO! Isto sim dá orgulho e faz a nação crescer e desenvolver-se gerando prosperidade para todos.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

PAPAI COMIA JILÓ!

Meu pai não podia ver um vasilhame com terra que já queria plantar, no terreno lá de casa tinha macaxeira, milho, quiabo. maxixe, cana, banana, couve, jiló e o que mais você pensar, o meu já falecido pai simplesmente gostava de plantar, e minha mãe tinha o costume de fazer o feijão com essas verduras, feijão com quiabo maxixe e jiló era comum... o maxixe e o quiabo dava pra engolir, mas o bendito jiló só descia com "oração forte" do meu pai "come isso porque é bom para saúde!" Eu aprendi comer na marra, bem, quando eu cresci entendi que jiló era amargo mais os seus benefícios eram doces, meu pai tinha razão, nem sei se ele sabia de verdade os benefícios do fruto amargoso. São pelo menos 8 benefícios do jiló! O primeiro é perda de peso, depois visão, saúde bucal, saúde do coração, proteção das artérias, ajuda no combate a anemia, anti cancerígeno, e por fim controle da taxa de açúcar no sangue. AMARGA A BOCA MAIS ADOÇA A VIDA! Isso me faz lembrar outra coisa que é doce a principio mas depois fica amargo, estou falando dos princípios estabelecidos por Deus através da sua palavra.
E tomei o livrinho da mão do anjo, e comi-o; e na minha boca era doce como mel; e, havendo-o comido, o meu ventre ficou amargo. Apocalipse 10:10
Quando conhecemos a palavra percebemos claramente que no primeiro momento é doce pois nos remete a bênção da salvação e da cura do espírito e da alma, mas depois somos confrontados dobre nossos pecados e nos é apontado o juízo e a condenação eterna que nos trás e todo sofrimento por consequencial do pecado. Mas este amargo das sagradas escrituras é que nos trata, nos faz desenvolver anti corpos contra o mal. Não sei se você vai aderir ao jiló, mas lhe convido a se alimentar da palavra que produz vida! 

*Curiosidade:  Jiló é uma fruta? Apesar do sabor amargo bastante característico e da maioria das pessoas torcerem o nariz para ele… Sim! O jiló é uma fruta, parente da berinjela, do pimentão e do tomate.

Que Deus abençoe a todos!
(Pr Edson Lima - com amor, carinho e sincera amizade)

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

E BELO JARDIM, COMO VAI?

Quero acreditar que a câmara de vereadores está fazendo uma jogada de marketing para fortalecer o turismo na terra do bitury, fazendo jus ao "honorifico" titulo de cidade da fofoca, os nobres representantes do poder legislativo resolveram debater as fofocas e as tretas das redes sociais, é uma historinha dali, outra daqui e assim o tempo vai passando. A cidade abandonada e a gente ainda tem que ficar assistindo vereador discutindo fofoca de blogs e rede social? Será que os nobres vereadores não tem o que fazer? Será que eles não tem algo mais relevante para discutir? Que pauta maldita é essa? Estamos sem água nas torneiras, o hospital só atende emergência a cidade está um caos, e os vereadores se engalfinhando por causa de mi, mi, mi nas redes sociais!Ainda hoje estive na cohab 2 e uma senhora com o pé inchado debilitada foi ao hospital logo de manhã cedo e o que ouviu foi que atendimento somente emergencial. Olhei para aquela senhora e apenas pedi para Deus a protege-la. Todo mundo sabe que um legislativo forte e atuante provoca a ação mais efetiva do poder executivo. Eu particularmente prefiro acreditar que o prefeito tem boas intenções apesar de muito mal assistido, infelizmente a qualidade dos senhores secretários e assessores beiram a displicência, não agravando a todos. Eu tenho no facebook e no Instagram muitas pessoas que são naturais de Belo Jardim mas moram distantes em outras cidades e até outros estados, de vez em quando me perguntam: "E Belo Jardim, como vai?" A resposta eu dou mandando fotografias, porque eu ando nas ruas fotografando a cidade e os seus problemas até apra eu ver a diferença entre os anos. Infelizmente não temos muito a comemorar, pois se tava ruim , hoje está pior, mas sempre acreditando que podemos melhorar, potencial a cidade tem, material humano também, o que falta é competência e vontade política. Oremos apra que o futuro da cidade seja melhor.

#ModestaOpinião

domingo, 30 de dezembro de 2018


>>> LEIA COM ATENÇÃO! <<<<
Uma das recordações que tenho da infância era de dormir debaixo do banco da igreja nas viradas de ano. Bem eu morava ao lado da igreja e na noite da virada mãe vestia uma roupinha bonita que ela mesma fazia, pois era costureira e assim arrumadinho seguia para o "CULTO DA VIRADA!" e lá pelas tantas o cansaço nos vencia e nós insistíamos em não ir para casa, não nos dávamos por vencidos e tomados pelo sono até que o sono nos arrebatava e mãe coloca cobertores no chão e nós ali debaixo dos bancos dormíamos, enquanto os irmãos cantavam e oravam a Deus! Desde a minha infância aprendi a passar os últimos minutos do ano velho e os primeiros minutos do ano novo aos pés de Cristo Jesus! Hoje no ano que completaria meio século de vida, agradeço a Deus pela oportunidade de mais um ano estar em sua presença. Este ano ao lado da minha mãe será mais significativo ainda, quando ela nos seus 76 anos nunca parou de louvar e adorar a Deus na entrada de ano. Não sei aonde e como você vai passar a virada, mas lhe faço um convite mais que especial, venha louvar e adorar a Deus comigo e minha mãe, venha dobrar os seus joelhos e pedir um ano de graça e amor, sei que juntos cantaremos e nos alegraremos em gratidão aquele que nos amou primeiro. A Jesus Cristo seja o louvor eternamente.
Com carinho, amor e verdade
Pr. Edson Lima
#CultodaViradaPeV #feliz2019 #felizanonovo #bandag4 #palavraevidabj #JesusCristoReina

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

BELO JARDIM CONTROVERSO

Se tem algo que não devemos tolerar é a falta de bom senso, incoerência e controvérsia quando o assunto for a administração pública são virtudes que devem ser consideradas pelos que fazem política. Quanto mais observamos as açoes dos nosso representantes mais decepcionados ficamos pela falta de personalidade e as vezes de caráter também. É sofrível a situação do eleitor que hoje apoia um grupo, amanhã outro, e depois outro e nem sabe o que pensa os seus candidatos ou quais linhas ideológicas os mesmos defendem. Em nossa cidade isso é mais evidente quando observamos grupos historicamente antagônicos se juntando apenas por um projeto de poder, mas sem objetivo algum de melhorar a vida dos munícipes. A arte de administrar por aqui virou a arte de xingar e fazer farra! Andando pelos bairros e conversando com as famílias tenho visto a decepção que está estampada no rosto de cada cidadão e cidadã de bem. Quando a gente pergunta o que está achando da atual administração é só horrores, quando perguntamos dos possíveis candidatos para as próximas eleições as pessoas fazem cara feia e não hesitam em afirmar que está enojada com a política e principalmente com as mesmas "peças" num tabuleiro velho e arcaico. A grande maioria gostaria de candidatos novos tanto para o legislativo quanto para o executivo. Mas o desanimo é quase que geral. Conversando com uma amiga do bairro Santo Antonio ela me perguntou porque o grupo Mendonça não indica o Vinicius Mendonça que obteve 5.530 votos aqui, para ser candidato a prefeito? Eu então perguntei a senhora por ela pensava assim, ela respondeu prontamente dizendo que "a política precisa de sangue novo" e o Vinicius é jovem e poderia vir como uma proposta de inovação e renovação. Ela disse que se os Grupos Mendonça e Galvão não apresentarem alguma novidade, ela prefere votar na Isabelle Mendonça, porque sabe que ela vai ter o apoio do João Mendonça o melhor prefeito de Belo Jardim na sua opinião. Diante de uma opinião feminina e bem independente eu até comecei a ponderar sobre a situação real que vivemos. Tomara que os nossos políticos consigam interpretar o momento,  a eleição do Presidente Jair Messias Bolsonaro é exemplo vivo, real e atualizado. que venham as eleições municipais! Pior do que está não fica.